Como escolher uma prancha de surfe biquilha

Como escolher uma prancha biquilha

Para muitos surfistas que passaram grande parte da vida usando pranchas shortboard triquilha (ou quadriquilha) de alta performance, é comum depois de um tempo sentir uma certa saturação ao usar o mesmo estilo de prancha e acabar vivenciando as mesmas sensações ao surfar com este gênero de prancha durante tanto tempo.

Mas o que se deve fazer para buscar novas sensações sem abrir mão de ter agilidade e respostas rápidas ao surfar?

A resposta existe deste a década de 70 e 80, pranchas de surfe twin fin (biquilha)!

Qual a diferença entre uma prancha triquilha para biquilha?

Se compararmos duas pranchas idênticas, com mesmo outline, rocker e fundo, uma com configuração de triquilha e outra de biquilha com estabilizador, comoa  triquilha possui o mesmo tamanho entre de quilhas, isto proporciona uma troca de direção e navegação na onda um pouco mais previsível e familiar.

A biquilha com estabilizador, possui quilhas frontais bem maiores e posicionadas mais atrás de onde as quilhas frontais de uma triquilha costumam ficar, este fator faz com que elas fiquem, geralmente, bem embaixo do pé de trás do surfista, desta forma ele sente a rabeta da prancha um pouco mais fixada e com mais drive (capacidade de manter velocidade durante trocas de direção) por causa das quilhas maiores.

Diferenças entre pranchas biquilha clássicas e modernas

Mas afinal, quais fatores determinam que uma prancha biquilha seja clássica ou moderna?

Para tornar esta explicação mais fácil, iremos usar uma imagem com os nossos modelos de pranchas biquilhas em ordem de mais clássica para mais performance.

OUTLINE

O fator mais fácil de se observar é o design do outline, pranchas com pegada mais clássica irão ter um tamanho mais reduzido e outline mais preenchido, remetendo aos modelos fish da década de 70.

Nossos modelos Curvalicious e Classic Twin são fish biquilhas que possuem rabeta e outline largo, pranchas largas são muito boas para surfar ondas fracas, lentas e cheias, pois o pé do surfista fica mais distante da borda da prancha, em ondas com estas características, aonde o surfista não consegue gerar muita velocidade em pranchas estreitas e com menos flutuação, a borda tende a entrar mais na água e consequentemente acertar o calcanhar, ou pé do surfista, acarretando na famosa expressão “entrar de boarda”. Em pranchas com mais flutuação e outline largo isto ocorre menos.

Por outro lado, pranchas com outline e rabeta mais estreitos (Butter BiscuitDuo Diamond e ’80s Twin) são melhores em ondas com mais força e cavadas, pois possuem um tempo de resposta mais ágil do pranchas de rabeta larga.

ROCKER

O rocker (curvatura de fundo) é um dos fatores mais importantes de uma prancha que muitas vezes passa despercebido entre os surfistas, o fundo da prancha está em contato com a superfície da onda em todo momento.

Quanto maior o rocker, melhor a prancha irá se portar em ondas mais cavadas, evitando que a ela entre de bico ao voltar de manobras em áreas críticas da onda, porém, em ondas mais cheias um rocker mais acentuado não gera tanta velocidade ao deixar a prancha subir e descer a parede da onda quanto um rocker mais reto. Isto se deve ao fato de que rocker mais reto geram menos turbulência na água que passa em baixo da prancha em relação a rocker mais acentuados.

Na imagem acima, os modelos da esquerda (clássico) possuem menos rocker e os da direita (moderno) mais rocker.

TAMANHO E VOLUME

O volume é a medida que define a capacidade de flutuação da prancha, em pranchas desenvolvidas para ondas mais fracas, é necessário aumentar o volume para suportar melhor o peso do surfista em ondas com menos força. Em ondas com mais força, ter muita flutuação tira a sensibilidade da prancha ao surfar pois ela fica muito acima da superfície.

Para modelos de biquilha performance, que serão usadas em condições de onda mais parecidas com o que se usa em pranchas triquilhas convencionais, o ideal é manter o mesmo tamanho da prancha do dia a dia do surfista,  talvez diminuir entre 1 a 2 polegadas, e manter o mesmo volume ou adicionar até 3 litros.

Em modelos de biquilha mais clássico, como as fish retrô Curvalicious e Classic Twin, ou até a Butter Biscuit que é um meio termo entre clássico e performance, que foram desenvolvidas para surfar ondas mais cheias e sem força, é extremamente recomendado usar elas entre 3 a 5 polegadas menor que a prancha do dia a dia e entre 2 a 5 litros a mais de volume.

BIQUILHA KEEL E BIQUILHA COM ESTABILIZADOR

Existem dois estilos de quilha para pranchas biquilha, a keel fin, que é utilizada em pranchas fish com rabeta larga, proporcionando um surf mais de linha, com muito drive e menor agilidade, e biquilha com estabilizador, que é mais ágil para trocar de direção e realizar manobras pois são usadas em pranchas com rabetas mais estreitas, aonde a keel fin não seria aconselhada.

Prancha biquilha em bloco PU ou EPS/XPS (Epoxy)?

Pranchas de surfe com bloco PU(poliuretano) são laminadas usando resina Poliéster e pranchas de surfe com bloco EPS(poliestireno expandido) e XPS(poliestireno extrudido) são laminadas usando resina Epoxy.

Caso queira entender melhor sobre os tipos de blocos, resinas e características de cada um, basta ler nosso artigo aqui.

Para uma experiência autêntica em pranchas clássicas, é aconselhável usar o bloco de PU por ser mais pesado e previsível em baixo do pé, este peso irá contribuir ainda mais para um surfe de linha e relaxado. Os blocos EPS/XPS são menos densos e mais leves que o bloco PU, isto gera pranchas ágeis e ariscas em baixo do pé, são uma boa opção para biquilhas modernas e funcionam muito bem em mares sem muita força.

Como e onde comprar pranchas de surfe biquilha

Na hora de encomendar a sua biquilha, é sempre recomendável conversar com o shaper, para que ele possa desenvolver a prancha de acordo com seu biotipo e nível de surfe. Nós da 1974 Surfboards teríamos o prazer de lhe ajudar neste sentido, basta nos dar um alô.

Conclusão

Quer uma prancha biquilha fácil de pegar onda, com bastante drive, velocidade e boa para fazer um surf de linha e relaxado em ondas fracas e cheias?

Escolha um de nossos modelos de fish retrô, Classic Twin ou Curvalicious.

Gostaria de uma biquilha que funcione bem em ondas menores mas que aguente um mar com mais força?

Recomendamos a Butter Biscuit.

Buscando uma prancha biquilha que lembre bastante a agilidade e resposta de uma prancha high performance?

Escolha a ’80s Twin.

Ainda possui perguntas? Entre em contato com nosso shaper e tire todas as suas dúvidas.

Entre em contato

Deixar uma resposta

WhatsApp chat